Notícias

Preço anunciado para alugar imóveis sobe mais que a inflação no 1º trimestre, diz Fipezap 23 de abril de 2019 | Fonte: FipeZap

Preço anunciado para alugar imóveis sobe mais que a inflação no 1º trimestre, diz Fipezap

Os preços anunciados para novos contratos de aluguel subiram acima da inflação no 1º trimestre do ano. Segundo pesquisa Fipezap, o valor médio anunciado para locação de casas ou apartamentos subiu 0,61% em março (a quarta alta consecutiva), e 1,68% nos 3 primeiros meses do ano. Já a inflação, calculada pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), ficou em 0,75% em março e em 1,51% no 1º trimestre.

No acumulado nos 3 primeiros meses do ano, o preço médio de locação teve um aumento real de 0,17%.

As maiores altas no 1º trimestre entre as capitais monitoradas ocorreram em Brasília (4,03%), Florianópolis (2,98%) São Paulo (2,42%). Já em Salvador, houve queda de 1,72%.

No período de 12 meses terminados em março, o preço médio de locação residencial para novos contratos acumula alta de 2,54%, ainda bem abaixo da inflação de 4,58% no mesmo período, considerando o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).

A cidade de São Paulo segue com o maior preço médio de locação por metro quadrado (R$ 37,65), seguida por Barueri (SP), com R$ 32,04; Santos (SP), com R$ 30,68; e Rio de Janeiro (R$ 30,54). A média nas 25 cidades pesquisadas em março foi de R$ 28,42.

Quanto à rentabilidade do aluguel, ou seja, o preço médio de locação dividido pelo preço médio de venda dos imóveis, o retorno médio ficou em 4,53% em março.

 

Valor médio de locação do m², por cidade:

▪São Paulo (SP): R$ 37,65
▪Barueri (SP): R$ 32,04
▪Santos (SP): R$ 30,68
▪Rio de Janeiro (RJ): R$ 30,54
▪Brasília (DF): R$ 28,11
▪Recife (PE): R$ 27,69
▪Florianópolis (SC): R$ 23,78
▪Porto Alegre (RS): R$ 22,69
▪Praia Grande (SP): R$ 22,61
▪Belo Horizonte (MG): R$ 21,49
▪Santo André (SP): R$ 21,27
▪Salvador (BA): R$ 20,95
▪Campinas (SP): R$ 20,91
▪São Bernardo do Campo (SP): R$ 20,25
▪São José dos Campos (SP): R$ 20,11
▪Niterói (RJ): R$ 19,55
▪Guarulhos (SP): R$ 19,51
▪Curitiba (PR): R$ 18,33
▪Joinville (SC): R$ 17,52
▪Goiânia (GO): R$ 16,28
▪Ribeirão Preto (SP): 16,10
▪São José (SC): R$ 15,86
▪Pelotas (RS): R$ 15,80
▪Fortaleza (CE): R$ 15,77
▪São José do Rio Preto (SP): R$ 15,21

Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *